Mapa turístico 2017
Fisio

Voluntários da Rede de Percepção de Odor da Veracel se reúnem

Os voluntários que compõem a Rede de Percepção de Odor da Veracel (RPO) estiveram reunidos, no dia 04/03/17, durante o 11º encontro anual da Rede que aconteceu na RPPN Estação Veracel, em Porto Seguro. Neste encontro, foram apresentados os registros de percepção de odor de 2016 e reforçada a importância de cada voluntário para a melhoria dos padrões de qualidade operacional da fábrica da Veracel.

Além da avaliação dos resultados de 2016, os voluntários e seus convidados também conheceram mais sobre as atividades de controle ambiental da Veracel. “Mostramos que nosso compromisso e respeito com o meio ambiente vão além da questão das emissões atmosféricas”, explica o coordenador de Controle Ambiental da Veracel, Tarciso Matos. As atividades de Controle Ambiental da fábrica consistem no gerenciamento e controle das emissões atmosféricas, dos resíduos sólidos, dos efluentes líquidos e do uso racional da água.

Como parte da programação, foi realizada uma palestra motivacional que levou os participantes a refletirem sobre o seu papel como defensores do bem estar em suas comunidades. “Sinto-me responsável não somente porque faço o contato com a empresa quando tem uma ocorrência, mas também porque sou representante da minha comunidade nessa relação com a Veracel”, afirmou Clélia Vieira Cardoso, voluntária da RPO há 11 anos.

Defesa do bem estar e do meio ambiente

Criada em 2005 como forma de atender uma condicionante ambiental da licença de operação da fábrica emitida pelo INEMA, a Rede de Percepção de Odor (RPO) da Veracel é considerada referência nacional. A Rede é composta por 25 voluntários moradores de nove localidades do entorno da fábrica. Estes moradores são treinados periodicamente para identificarem o cheiro característico do processo de fabricação de celulose e notificarem a empresa. Ao longo dos anos, os resultados deste monitoramento têm indicado uma importante evolução no controle de odor e dos padrões operacionais da fábrica. Em 2011, por exemplo, foram registradas 19 percepções de odor nas comunidades e em 2015 esse índice chegou à zero. Em 2016, foram registradas três ocorrências de odor nas comunidades do entorno da fábrica.

Para o diretor de Operações da Veracel, Ari Medeiros, é o compromisso dessas pessoas que fazem a Rede funcionar tão bem. “Se somos referência nacional, é porque existe uma relação de confiança entre a Veracel e os voluntários da rede e é com base nesta relação que temos feito investimentos na melhoria contínua dos nossos controles e treinamento das nossas equipes. Os resultados mostram que estamos no caminho certo”, destaca.


 

Fonte: Ascom da Veracel Celulose

Visit the new site http://lbetting.co.uk/ for a ladbrokes review.

Site desenvolvido em Software Livre
Jornal do Sol | Todos os Direitos Reservados