Mapa turístico 2017
Fisio

Levantamento aponta percentual de empresas devedoras de FGTS nos últimos 5 anos

Mais de R$ 8,5 bilhões é o montante inscrito em dívida ativa e devido ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) por parte de empresas brasileiras nos últimos cinco anos. Foram consideradas as companhias com situação cadastral ativa ou regular e que compõem as 21 seções econômicas estabelecidas pela Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE).
Conforme estudo publicado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mais de cinco milhões de empresas estão cadastradas na CNAE. O valor devido ao FGTS está distribuído entre 54,2 mil companhias, o que equivale a pouco mais de 1% do universo existente.
No setor de comércio, reparação de veículos automotores e motocicletas foi verificado o maior número de empresas que não depositaram os valores devidos relativos ao FGTS dos seus trabalhadores: 14.835. A dívida dessas companhias é de quase meio bilhão de reais. Apesar do alto valor devido, essas empresas representam apenas 0,72% de um total de 2.045.388 companhias dessa seção, de acordo com o IBGE.
Logo em seguida, com um total de 13.094 empresas com pendências junto ao FGTS está o setor de indústria de transformação. Considerando que há 428.511 companhias cadastradas nessa seção, aquelas que são devedoras representam apenas 3% do total. O montante devido nessa área, no entanto, é bem superior à seção CNAE citada anteriormente: quase R$ 2,4 bilhões.
Três atividades econômicas (CNAE/divisão) em especial se destacam na seção de indústria de transformação: a de fabricação de produtos alimentícios; de máquinas e equipamentos; e de metais, exceto máquinas e equipamentos. Das 52.214 que compõem o primeiro setor citado, 1.728 (3,3% do total) possuem dívida com o Fundo de quase R$ 560 milhões.
A divisão de fabricação de máquinas e equipamentos possui 16.873 empresas cadastradas. Sendo que 699 (4,1% do total) somam débitos de quase R$ 195 milhões. Das 50.279 companhias que formam o setor de fabricação de metal, exceto máquinas e equipamentos, 1.401 (2,7% do total) devem pouco mais de R$ 190 milhões.
Os setores de alojamento e alimentação; o de construção; e o de atividades administrativas e serviços complementares possuem números semelhantes quando considerada a quantidade de companhias devedoras, respectivamente: 4.485 (1,4% do total), 4.108 (1,6% do total) e 3.778 (0,83% do total). Os valores variam bastante quando considerados os montantes devidos, que são, respectivamente: R$ 133 milhões, R$ 437 milhões e R$ 704 milhões.
Ainda de acordo com dados do IBGE, as empresas cadastradas na CNAE empregam mais de 55 milhões de pessoas.


Fonte: PGFN

Visit the new site http://lbetting.co.uk/ for a ladbrokes review.

Site desenvolvido em Software Livre
Jornal do Sol | Todos os Direitos Reservados