Terremoto assusta moradores de Guaratinga

Um tremor de terra assustou moradores de Guaratinga, cidade a 118 quilômetros de Porto Seguro, no final da manhã desta segunda-feira, 28/01/19. Ao sentir o terremoto, muitas pessoas saíram de casa e das lojas, para tentar fugir dos riscos e entender melhor o que estava acontecendo. “Senti a terra tremer nos meus pés”, disse uma moradora. “É, pessoal, a terra tá tremendo!”, disse um homem que gravou as imagens da agitação das pessoas.

Mesmo assombradas, muitas pessoas não tinham rumo certo, mas saíram compartilhando a informação e confirmando o acontecido. O Centro de Sismologia da USP (Universidade de São Paulo), registrou terremoto de 2.5 graus na escala, considerado leve. O tremor foi sentido em localidades próximas também. Não há informações de desabamentos.

Nesta mesma data, até às 13 h de Brasília, outros 12 terremotos pelo mundo foram registrados pelo monitor sismográfico, com intensidade de leve a moderado (2,5 a 5,5), segundo o site monitor global.com.br, e outros seis pelo Brasil (Muniz Freire/ES, Bonito de Minas/MG, Porto dos Gaúchos/MT, Moita Bonita/SE, Minaçu/GO e São Félix Do Xingu/PA), segundo o site do Observatório Sismológico da UNB (http://obsis.unb.br/portalsis).

O Centro de Sismologia opera parte da Rede Sismográfica Brasileira (RSBR) e mantém um sistema de detecção automática e divulgação de terremotos em tempo real. A lista e o mapa dos últimos terremotos são atualizados continuamente.

Os terremotos são resultado dos movimentos da crosta terrestre, a parte mais superficial da Terra, que, dissociadas, formam placas tectônicas e ficam sujeitas às movimentações advindas do interior do globo terrestre. Mas, o fato de Guaratinga estar situada num local de exploração mineral, levanta dúvidas sobre as causas do tremor. 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

© 2019 - Jornal do Sol - Informação com Credibilidade