Marinha faz parceria para definir ações de dragagem do rio Buranhém

No dia 27/06/19, estiveram reunidos na sede da Delegacia da Capitania dos Portos em Porto Seguro, para definirem ações de execução da dragagem do rio Buranhém, o Capitão de Corveta Julio Amaral, Delegado, o secretário interino do Meio Ambiente, João Barbosa Goes Filho, o secretário de Turismo, Paulo César Magalhães, os professores Marcos Eduardo Bernardes e Ângelo Teixeira Lemos, da Universidade Federal Sul da Bahia (UFSB), e representantes da comunidade marítima local.

Na oportunidade, destacou-se que o avançado estágio de assoreamento da foz do rio poderá, em curto espaço de tempo, comprometer definitivamente as atividades desenvolvidas pela Marinha do Brasil em prol da segurança da navegação, a mobilidade urbana na travessia das balsas, as atividades pesqueiras e de turismo náuticos regionais. De acordo com a Marinha, com a manutenção de um canal de navegação com a profundidade e largura adequados, a continuidade de tão importantes atividades para a comunidade estarão garantidas, além da possibilidade do fomento de outras atividades socioeconômicas para a região.

Na reunião ficou definido que o secretário do Meio Ambiente, a partir de parâmetros definidos pela Marinha e comunidade marítima, encaminhará um pedido de cooperação técnica para a UFSB, para que seja realizado um estudo de viabilidade técnica, levando em consideração requisitos ambientais e operacionais, para execução da dragagem.

O secretário de Turismo, diante da possibilidade de criação de um canal navegável, e a possibilidade de fomento do turismo náutico na região, ressaltou a importância da revitalização do Pier Municipal e a criação de um porto ilha, para atracação de navios e recebimento de turistas, para o que buscará o apoio do Governo do Estado e iniciativa privada.

 

 

Marinha coordena e fiscaliza segurança da navegação em procissões de São Pedro

A Marinha do Brasil, por meio da Delegacia da Capitania dos Portos em Porto Seguro, mobilizou, em 29/06/19, militares, embarcações e viaturas para coordenar e fiscalizar a segurança da navegação durante as procissões fluviais em homenagem a São Pedro, que ocorreram nos municípios de Porto Seguro, Santa Cruz Cabrália e Alcobaça, no Extremo Sul da Bahia.

Nos dias que antecederam os festejos de São Pedro, ações educativas e de conscientização dos navegantes foram intensificadas pela Marinha. Durante as apresentações sobre segurança da navegação e salvaguarda da vida humana no mar, destacou-se a importância da atuação em conjunto entre a Marinha, as comunidades náuticas e principalmente as colônias de pescadores. Entre 120 e 150 embarcações, aproximadamente, participaram das procissões nos três municípios, e apesar da adesão considerável de participantes, não foram registrados incidentes.

As ações também foram realizadas em proveito da “Operação Inverno”, que está acontecendo de 20/06 a 15/09/19, sob a coordenação do Comando do 2º Distrito Naval, nos litorais dos Estados da Bahia e Sergipe, em virtude do aumento do índice pluviométrico e a chegada das frentes frias, que interferem diretamente nas condições climáticas e no estado do mar.

A Marinha afirma que continuará com suas ações ao longo do ano e incentiva a população a que colabore com a delegacia. Para informações meteorológicas, é possível baixar e acessar o aplicativo “Boletim ao Mar”. Ao observar alguma irregularidade no mar, rios ou vias navegáveis, denúncias podem ser feitas pelo telefone (73) 3421-2050; se possível, informando o nome da embarcação e seu número de inscrição (ambos visíveis no casco); ou pelo Whatsap (73) 99985-4210, para recebimento de imagens que contribuam para o registro da infração e identificação da embarcação. Também está disponível o número 185 para emergências marítimas. Estes serviços encontram-se disponíveis 24 horas por dia.


Fonte: Marinha do Brasil - DelPSeguro

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

© 2019 - Jornal do Sol - Informação com Credibilidade