TJBA empossa nova diretoria para o biênio 2018-2020

 


Nesta quinta-feita, 1º/02/18, tomou posse a nova Mesa Diretora do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA) para o biênio 2018/2020. A sessão solene foi realizada no Salão Nobre do Fórum Ruy Barbosa, em Salvador, com a presença de magistrados e do governador Rui Costa.
A cadeira da presidência, antes ocupada pela desembargadora Maria do Socorro Barreto Santiago, passa a ser ocupada pelo desembargador Gesivaldo Nascimento Britto.
Também foram empossados o desembargador Augusto Lima Bispo, na 1ª vice-presidência; a desembargadora Maria da Graça Osório Pimentel Leal, na 2ª vice-presidência; a desembargadora Lisbete Maria Teixeira Almeida Cézar Santos, na Corregedoria Geral da Justiça; e o desembargador Emílio Salomão Pinto Resedá, na Corregedoria das Comarcas do Interior.

Conheça os perfis dos membros da Mesa Diretora para o biênio 2018/2020

Gesivaldo Nascimento Britto, presidente - Natural de Salvador, Gesivaldo Nascimento Britto graduou-se em Direito, em 1978, pela Universidade Católica do Salvador. Em 1980 foi aprovado no concurso público para o cargo de promotor de Justiça do Ministério Público do Estado da Bahia, passando a atuar nas comarcas de Palmeiras, Lençóis, Seabra e Andaraí. Dois anos depois ingressou na magistratura (concurso de 1982), atuando nas comarcas de São Felipe (1982), Monte Santo (1985) e Irará (1985). Em Salvador, atuou no Juizado de Pequenas Causas da Liberdade (1990), e, por 19 anos, na 2ª Vara de Fazenda Pública. Em 2008 foi promovido ao cargo de desembargador pelo critério de antiguidade, quando foi designado para a 2ª Câmara Cível. O magistrado também foi suplente no Conselho da Magistratura e fez parte da Comissão de Reforma Judiciária, Administrativa e Regimento Interno. Na gestão 2016-2018, ocupou a presidência da Comissão Permanente de Segurança do TJBA. Gesivaldo Nascimento Britto tem especialização em Direito Tributário; pós-graduação em Direito Processual Civil e em Direito do Estado.

Augusto de Lima Bispo, 1º Vice-Presidente - Natural de Conceição da Feira, graduou-se em Direito pela Ufba (1977). Iniciou a carreira na magistratura na Comarca de Palmeiras, em 1986. Atuou nas comarcas de Muritiba, Itaberaba, Cruz das Almas e São Francisco do Conde, antes de chegar à capital baiana. No interior, atuou como juiz eleitoral em todas as comarcas onde exerceu a judicatura. Em 2011, foi promovido a desembargador. Atualmente, integra a 1ª Câmara Cível do TJBA. Também integra a Seção Cível de Direito Privados; e as Sessões Cíveis Reunidas. Possui pós-graduação com especialização em Processo Civil e em Direito do Estado.

Maria da Graça Osório Pimentel Leal, 2ª Vice-Presidente - Natural de Livramento de Nossa Senhora, é graduada em Direito pela Universidade Católica do Salvador (1971). Iniciou a magistratura em 1981. Atuou nas comarcas de Paramirim (1981), Coaraci (1983), Itororó (1984) e Vitória da Conquista (1987). Em Salvador, iniciou a atuação em 1990. Em todas as comarcas em que foi titular, inclusive na capital, trabalhou como juíza eleitoral. Foi promovida, em 2008, pelo critério de antiguidade, integrando a Câmara Especial Transitória. Ainda em 2008, passou a compor a Segunda Câmara Cível e, em seguida, a 1ª Câmara Cível, até a presente data.

Lisbete Maria Teixeira Almeida Cézar Santos, Corregedora Geral da Justiça - Natural de Senhor do Bonfim, bacharelou-se em Direito em 1981. Ingressou na carreira da magistratura em 1988, atuando nas comarcas de Santa Terezinha, Castro Alves e Feira de Santana. De 1993 a 2013, foi titular da 7ª Vara de Fazenda Pública da Comarca de Salvador. Em 2013, foi promovida ao cargo de desembargadora. Atualmente, integra a 2ª Câmara Cível, a Seção de Direito Público, as Câmaras Cíveis Reunidas. Além disso, é presidente da Comissão de Reforma deste Tribunal. É pós-graduada em Direito Civil e Processo Civil e em Direito Público.

Emílio Salomão Pinto Resedá, Corregedor das Comarcas do Interior - Natural de Conceição do Coité, é bacharel em Direito pela Ufba. Atuou durante 16 anos como juiz da Infância e da Juventude em Salvador. Desembargador do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, atua também como coordenador da Coordenadoria da Infância e Juventude (CIJ). É pós-graduado em Ciências Criminais, em Processo Civil e em Direito do Estado. É professor de curso de Direito e ministra a disciplina Direito da Criança, do Adolescente e do Jovem.


Fonte: TJBA

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

© 2019 - Jornal do Sol - Informação com Credibilidade