Torneio reúne apreciadores de pimenta em Amaralina

Os apreciadores de pimenta têm encontro marcado no próximo dia 19 (sábado), no Quartel de Amaralina, às 13 h, quando acontece o 1º Torneio de Pimenteiros da Bahia. A competição vai reunir participantes de todo o estado, que vão passar por quatro etapas de degustação de variedades diversas de pimentas com aumento do nível de ardência (teor de capsaicina), saindo vencedor aquele que conseguir cumprir todas as fases do regulamento, consumindo o maior número de unidades.

Os três primeiros colocados receberão prêmios que vão de placa e troféu a diversos brindes oferecidos pelos patrocinadores, além de amostras da pimenta a jato Nanboka, que será lançada oficialmente durante o evento. Após o torneio, haverá um show do cantor baiano Roberto Patiño e uma apresentação do humorista Tojal. 

Pimenta a Jato

A preocupação com a higiene na manipulação, inexistente nos molhos de pimenta convencionais, além da funcionalidade e qualidade do produto final a ser oferecido ao público consumidor, motivou o engenheiro baiano RabindranathTagore Cirne Áspera a desenvolver um produto revolucionário e até então inédito no mercado mundial: o jato de pimenta Nahboka, um preparado exclusivo direcionado para o uso em alimentos, acondicionado em embalagens anatômicas, de fácil transporte, manuseio e precisão na dosagem.

Formado pela mistura selecionada de vários tipos de pimentas, a exemplo da malagueta, cumari, biquinho, dedo de moça e de cheiro, entre outras, o jato de pimenta Nahboka oferece mais do que um sabor picante, sendo benéfico para o organismo porque possui comprovadas atividades antimicrobianas, anti-inflamatórias, anticancerígenas, e ainda melhora a digestão, diminui os níveis de colesterol e, por ter efeito termogênico, ou seja, pode acelerar o metabolismo, também ajuda a emagrecer.

A princípio, foram desenvolvidas embalagens do produto para ser comercializado em três tipos de recipientes: caixas para acondicionar um flaconete de 15ml, três flaconetes de 15ml e caixa/display para acondicionar 10 flaconetes de 15ml. Também foram criados recipientes maiores (60 ml) para atender a demandas de restaurantes, bares e hotéis. Para obter um produto comercialmente viável e com maior abrangência de degustadores, a Nahboka desenvolveu uma fórmula sem conservantes e em três tipos de ardência: suave, média e forte. Todos sem perder a consistência, cheiro e o sabor agradável que caracterizam o produto.


Fonte: Net News Press

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

© 2019 - Jornal do Sol - Informação com Credibilidade