Homem é condenado a 22 anos de prisão por assassinato da ex-namorada

Gutierres Benfica Ramos, 26, foi condenado a 22 anos e meio de prisão pelo assassinato da ex- namorada Gizele de Souza Oliveira, 15. O crime foi cometido em 26/09/14, em Arraial d’Ajuda. O julgamento, que foi realizado em 27/07/17 no Fórum Dr. Osório Borges de Menezes em Porto Seguro e presidido pelo juiz André Strogensky, durou cerca de 10 horas.
O crime – De acordo com a acusação, o crime foi passional. Gutierrez matou a ex-namorada com golpes de faca, na casa dela. Eles haviam terminado um relacionamento, mas o jovem não aceitou o rompimento. Depois que se separou de Gutierrez, Gizele teria recebido ameaças de morte e teria sido agredida pelo ex-namorado na rua, conforme disse o pai dela em depoimento na época do crime. Quando foi preso, o rapaz negava ter assassinado a jovem, mas testemunhas disseram que o viram saindo da casa da vítima, após tê-la matado. Nessa época, Gutierrez já tinha passagens pela polícia.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

© 2017 - Jornal do Sol - Informação com Credibilidade

Por favor, publique módulos na posição offcanvas.