Mapa turístico 2017
Fisio

11 mil estudantes iniciam matrícula na Educação Profissional

Uma nova etapa de vida começa para 11.748 mil estudantes de toda a Bahia. Eles foram classificados no Sorteio Eletrônico da Educação Profissional para 33 cursos técnicos de nível médio oferecidos em Salvador, região metropolitana e 57 municípios baianos, nos 27 Territórios de Identidade do estado. A matrícula para os candidatos contemplados começou dia 1º/02/17 e segue até o dia 03, nos Centros Estaduais e Territoriais de Educação Profissional e seus anexos.

De acordo com o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, com os novos matriculados, a expectativa é que o número de estudantes inscritos na Educação Profissional no estado chegue a mais de 70 mil. “Estamos fazendo um esforço para aumentar a capacidade das escolas em ofertar condições para o encontro vocacional, ou seja, a permanência desses alunos nessas áreas. Outro objetivo é que eles possam concluir essa formação num tempo mais reduzido e dar outros passos”, afirma Pinheiro. 

A diretora do Centro Estadual de Educação da Bahia, Salomé Brito, destaca que os cursos oferecidos abrangem diferentes áreas do conhecimento. “Oferecemos cursos técnicos em alimentos, nutrição dietética, cozinha, guia de turismo e panificação. Aqueles que foram selecionados pelo sorteio precisam se dirigir aos centros de educação profissional para os quais se registraram com cópias e originais do CPF, histórico escolar, carteira de identidade e comprovante de residência”. 

Expectativa

A faixa etária dos alunos varia, mas o desejo para o futuro é o mesmo: uma vida melhor. Adna Damasceno, 26 anos, espera aproveitar os conhecimentos adquiridos para abrir o próprio restaurante. “Esse será o segundo curso técnico que farei aqui em Salvador. O primeiro foi voltado para cozinha e agora irei iniciar um curso de nutrição. Espero juntar as informações adquiridas para montar meu próprio restaurante. Vou me preparar muito para esse momento. Com esforço, eu vou vencer”.

Já a comerciante Rosivania Silva, 40, foi classificada para o curso de técnico em panificação. “Eu vendo cachorro-quente e tenho dificuldades de encontrar pão no bairro onde moro. Com esse curso de panificação, eu quero começar a fazer o meu próprio material e melhorar a qualidade final do produto que vendo. Um produto de melhor qualidade vai aumentar meu número de clientes e melhorar bastante a minha renda”.

Modalidades

Das vagas ofertadas, 9.288 são para o interior do estado e 2.460 mil para a Região Metropolitana de Salvador (RMS), divididas nas modalidades de Educação de Jovens e Adultos (Proeja) e Médio Subsequente (Prosub). A primeira é direcionada para jovens e trabalhadores que têm 18 anos ou mais e já concluíram o ensino fundamental. A segunda, para aqueles que já concluíram o ensino médio e desejam fazer um curso técnico. O início das aulas está previsto para o dia 06.


 

Fonte: Secom/BA

Visit the new site http://lbetting.co.uk/ for a ladbrokes review.

Site desenvolvido em Software Livre
Jornal do Sol | Todos os Direitos Reservados