Mapa turístico 2017
Fisio

A bicicleta e suas medidas

 

 

 

O ciclismo é um dos esportes que mais cresce no Brasil e também em nossa região. Tanto como lazer e como esporte de competições. São várias as modalidades e categorias, ou seja, o ciclismo tem para todos os gostos e bolsos.

Existe hoje uma procura por produtos com valores agregados maiores. Aquelas bicicletas básicas estão cada dia mais em desuso. As bicicletas aro 29 entraram no mercado com muita força e estão ocupando um percentual muito grande dos modelos utilizados atualmente. O índice desse modelo parado nas garagens, oficinas, apartamentos é muito pequeno, ao contrário das bikes aro 26. Este crescimento chamou a atenção de todos e tem o lado bom e o lado ruim.
Os governantes começaram a taxar as bicicletas, peças e acessórios de uma forma absurda. Desde 2010, o comércio de bicicletas vem sofrendo altas taxas de impostos, tais como ST (Substituição Tributária), ICMS e outras. Chegamos ao ponto de uma bicicleta pagar mais impostos que um automóvel popular. O pior é que não existe uma política padronizada para que as cobranças sejam iguais em todos os Estados, gerando assim uma guerra fiscal sem tamanho.
A legislação também é falha; por exemplo: uma pessoa física compra o que quer onde quer sem pagar os impostos, enquanto uma pessoa jurídica compra e tem que recolher os tributos antecipados. Aí começa uma concorrência desleal que não sabemos onde vai parar. Precisamos de uma reforma tributária já!
Na hora de adquirir sua bicicleta, é bom considerar vários aspectos. Um dos principais é a dimensão do quadro, de acordo com sua altura e tamanhos do tronco e pernas. Muitas vezes a pessoa é alta, mas tem pernas curtas, o tronco é maior, e vice versa.
A média de altura do brasileiro é de 1,74 m, muito diferente de alguns países europeus. Atualmente, as bicicletas MTB (mountain bike) mais vendidas são tamanho 15 e 17 polegadas (medido do início do tubo vertical até o centro do movimento central).
O consumidor deve ficar precavido na hora de comprar bicicletas, peças e acessórios. Existem muitas coisas a considerar. É importante ficar atento a uma série de itens, como o tamanho do quadro, da mesa, regulagem do selim, etc. Ele deve procurar lojas especializadas e com profissionais experientes no mercado. Sempre haverá pessoas físicas e ou jurídicas querendo aproveitar o “boom” do mercado para tirar vantagens de alguma forma, sem preocupação com orientação e qualidade do produto.
Em alguns casos existem bicicletas feitas sob medida, de acordo com o biótipo da pessoa e a finalidade. No triathlon isto é muito comum. O fitter, profissional que define as medidas exatas para cada ciclista, deve ser formado em Educação Física ou Fisioterapia com esta especialização. Portanto, é bom ser cuidadoso.
Em resumo, a medida do quadro é fundamental para que o ciclista tenha o devido conforto e possa desfrutar todo o seu potencial e de sua bike, devendo ser analisada com cuidado para chegar o mais próximo possível do ideal. Bom Pedal!
Jurandy Pinto é empresário no ramo de bicicletas e ciclista amador

 

 

 

Visit the new site http://lbetting.co.uk/ for a ladbrokes review.

Site desenvolvido em Software Livre
Jornal do Sol | Todos os Direitos Reservados