Mapa turístico 2017
Fisio

Ações de combate ao aedes aegypti são deflagradas no interior

Mais de 150 mil casos suspeitos de dengue, zika e chikungunya foram notificados no estado da Bahia em 2015, com 41 municípios registrando epidemias das três doenças simultaneamente. Para tentar mudar esta realidade, foi realizado, no dia 13/02/16, um esforço de sensibilização e mobilização da população para combater o mosquito aedes aegypti, com a participação das Forças Armadas (Exército, Marinha e Aeronáutica) e representantes dos governos federal, estadual e municipal em pelo menos 31 municípios baianos.

Na avaliação do secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, o saldo da operação foi positivo, pois contou com aproximadamente seis mil militares em operações na capital e interior, além do reforço de agentes comunitários de saúde, agentes de endemias, diversos profissionais de saúde, além de gestores estaduais e municipais.

"Precisamos engajar a população nesta luta, que é de todos, sobretudo, quando cerca de 80% dos criadouros do mosquito estão dentro das residências, o que significa que cada um deve fazer a sua parte", afirmou o secretário. Além da capital, destaque para a mobilização que aconteceu em Jequié (centro sul), Porto Seguro (extremo sul), Feira de Santana, Ilhéus (sul), Alagoinhas (nordeste), Juazeiro (norte), Camaçari (RMS) e Barreiras (oeste), entre outros municípios.


Fotos: Ascom/Sesab

Visit the new site http://lbetting.co.uk/ for a ladbrokes review.

Site desenvolvido em Software Livre
Jornal do Sol | Todos os Direitos Reservados