Porto Seguro integra consórcio para compra de vacinas

A Prefeitura de Porto Seguro publicou nas redes sociais a informação de que o Município aderiu formalmente ao Consórcio da Frente Nacional de Prefeitos, em 1º/03/21, para a compra de vacinas contra a Covid-19.

O consórcio foi criado depois do aval do Supremo Tribunal Federal (STF), e engloba cerca de 100 municípios, além de Porto Seguro e capitais como Curitiba (PR), Salvador (BA), Porto Alegre (RS), Cuiabá (MT), Porto Velho (RO), Manaus (AM), Campo Grande (MS) e Aracaju (SE), e cidades como Campinas (SP), Ribeirão Preto (SP), e Petrolina (BA).  

De acordo com as informações, “a primeira medida do consórcio será preparar uma minuta, a exemplo do que já foi aprovado na Câmara Municipal de São Paulo, liberando os municípios para fazer as compras, uma vez que, no Brasil, a compra de imunizantes cabe ao Governo Federal”.

Segundo o texto divulgado, o prefeito Jânio Natal “faz questão de deixar bem clara a sua posição sobre o importante assunto: nossa primeira opção é que as compras de vacinas sejam feitas pelo governo federal. Mas não podemos ficar de braços cruzados; precisamos garantir a saúde de nosso povo e da nossa economia!”.

No texto, a prefeitura assegura que “está empenhada no amplo enfrentamento à Covid-19, tendo como principal preocupação a preservação da vida e da saúde dos portossegurenses, bem como o retorno, no menor prazo possível, às atividades normais dos cidadãos”.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Comentários   

# VacinaçãoHarry Borensztejn harryb56@hotmail.com 05-03-2021 12:30
"Tudo muito bom quanto à compra das vacinas, porém gostaria de saber quando chegarão essas vacinas e quando será aplicada na população. Não adianta mostrar a Manifestação de Interesse e não ter a vacina em mãos. Fui informado em um posto de saúde que não há previsão de chegada."
Responder | Responder com citação | Citar