Polícia identifica adolescente que criou perfil falso e planejava ataque a escolas

No dia 04/04/19, a Polícia Civil de Eunápolis identificou uma adolescente de 15 anos de idade, acusada de criar um perfil falso no Facebook. De acordo com a polícia, o objetivo da garota era reunir pessoas para um possível ataque a duas escolas públicas da cidade.

O perfil falso criado no dia 20/03 pela adolescente recebeu o nome de Guilherme Monteiro, fazendo referência a um dos autores do massacre em Suzano/SP, no dia 13/03. Ela faz parte do da relação de alunos de uma das escolas.

As investigações chegaram ao falso perfil e às mensagens emitidas pela menina após afastamento do sigilo de dados eletrônicos, autorizado pelo Juiz de Direito, Dr. Otaviano Andrade de Souza Sobrinho, da Vara Crime de Eunápolis.

Segundo as investigações, a adolescente teria sugerido, uma ação “grandiosa” e se colocou à disposição para ajudar no que fosse preciso, inclusive com bombas caseiras. Também afirmou que fazia parte de um grupo e que tinha tudo planejado. A menina teria ainda solicitado a planta de uma das escolas a outro adolescente. E também sugeriu formas de distrair a atenção dos seguranças das escolas, com simulação de uma briga.

A polícia colheu o depoimento da adolescente na presença da mãe e de testemunhas, mas a menina disse que as ações eram uma “brincadeira” com objetivo de assustar as pessoas. A polícia apreendeu o aparelho celular da garota para dar continuidade às investigações, que ocorrem desde o final de março, e rastrear possíveis parceiros. Um robô, construído por técnicos de TI do IFBA ajudaram na análise do material colhido.

A Polícia Civil está alertando a população sobre a divulgação de áudios com ameaças de ataques a escolas. Este ato segundo polícia, pode configurar atentado contra a segurança ou o funcionamento de serviço de água, luz, força ou calor, ou qualquer outro de utilidade pública, sendo crime previsto no Art. 265 do Código Penal Brasileiro, com multa e com pena de até cinco anos de reclusão.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

© 2019 - Jornal do Sol - Informação com Credibilidade