Editorial edição 415

Porto Seguro chega ao final de mais um ano, contabilizando vitórias e revezes em sua emblemática história. A maior polêmica este ano, foi a implantação do estacionamento Zona Azul, que deixou muitos comerciantes exaltados, temendo a fuga de clientes de suas lojas no Centro, e levou cidadãos a se mobilizarem para protestar contra os excessos e falhas do serviço. As reações surtiram efeito, o MP também fez a sua parte e a Prefeitura acabou recuando em alguns pontos. Entretanto, a questão do estacionamento envolve outros aspectos como o traçado das vias e as demandas de mobilidade urbana, que exigem novas posturas do poder público e da população.

Porto Seguro também arrumou algumas partes da casa e através de órgãos como o IPHAN e a Justiça Federal deu importantes passos na direção da preservação do seu precioso patrimônio histórico, como a proibição do trânsito e a implementação de medidas para a conservação da praça do Santuário de Arraial d´Ajuda e do Quadrado Histórico de Trancoso. Também o Parque Central de Arraial recebeu recomendação do IPHAN para ser requalificado e receber a proteção que merece para assumir de vez o seu papel como núcleo aglutinador de equipamentos comunitários fundamentais para vida da comunidade.

2019 foi também o ano da requalificação das barracas de praia, que após enfrentar um verdadeiro calvário, rebatendo ações na Justiça e assombrados com o fantasma da demolição, finalmente assinaram acordo e partiram para as obras. Cercadas de tapumes o ano inteiro, a maioria delas desabrocham nessa temporada que se avizinha, mirando em mais conforto, beleza e harmonia com o meio ambiente. Aliás, os equipamentos turísticos, incluindo os hotéis, aliados às insuperáveis belezas naturais e patrimônio histórico de valor incalculável, mantiveram Porto Seguro no topo da preferência nacional como destino turístico.

Novos e promissores capítulos e fronteiras prometem se abrir com a definição da área e os avanços das negociações para a construção do novo aeroporto da Costa do Descobrimento. E o Jornal do Sol está atento a todos os fatos que dizem respeito à vida de Porto Seguro e seus filhos - nativos e adotivos. Nesse mês de dezembro, completamos 28 anos de circulação ininterrupta. Foram anos de crescimento pessoal e profissional, de adesão aos avanços da tecnologia digital mas, sobretudo, de reafirmação, a cada dia do compromisso com a responsabilidade, a ética profissional e a gratidão com todos aqueles, anunciantes, colaboradores, parceiros, familiares e amigos,  que trilham conosco esse desafiador e gratificante caminho.

A todos, o nosso muito obrigado! E um 2020 de saúde, realizações e boas notícias para todos nós!

© 2020 - Jornal do Sol - Informação com Credibilidade