Comissão apresenta projeto para reordenamento de Caraíva

A comissão formada por diversas secretarias do governo municipal se reuniu na tarde de terça-feira, 30/03/21, para debater as ações que já estão em andamento e os próximos passos do plano que visa tornar Caraíva um local mais organizado, sustentável e com maior qualidade para moradores e turistas.

Daniela Trevisol, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, apresentou um projeto que sugere novas instalações para a Praça da Matriz, criação de uma “Alameda do artesanato” - com pracinha, barraquinhas, sanitários e quiosque de alimentação, estacionamentos para carros, motos, táxis, vans e ônibus turísticos, construção de um deck flutuante para embarque e desembarque das canoas, além do transbordo do lixo. O plano é utilizar materiais que respeitem as características naturais e rústicas de Caraíva, bem como incluir a comunidade nas ações e profissionalizar as principais atividades econômicas da localidade.

O reordenamento está sendo planejado e será realizado em ação conjunta das secretarias municipais de Cultura e Turismo, Assistência Social, Meio Ambiente, Saúde, de Obras, Planejamento e Desenvolvimento Urbano, de Trânsito, transporte, segurança e defesa civil, e Serviços Públicos; além da Procuradoria geral do município. Para o Secretário Paulinho Toa Toa o trabalho que já está sendo desenvolvido demonstra o compromisso dos servidores de todas as secretarias, que entendendo a importância desse reordenamento estão focados e preocupados com as melhorias também nas áreas sociais e de segurança pública.

“Eu acredito que com persistência, foco e essa visão, em breve já estaremos com a proposta do projeto pronta, com nova infraestrutura para moradores e turistas, que terão ainda mais orgulho do que caraíva representa para Porto Seguro. “Através do projeto apresentado hoje já conseguimos ter uma visão de como serão as melhorias e os impactos positivos que isso vai trazer. Então, já nos mostra que estamos no caminho certo”, disse Paulinho Toa Taoa.           

Os profissionais que trabalham com aluguel de bugue, os canoeiros, das barraquinhas de artesanatos e barracas de praia estão sendo cadastrados. O objetivo é que todos atuem de forma legalizada e qualificada, proporcionando experiências positivas para os turistas, o que irá gerar mais renda para todos. Na próxima etapa, estas ideias serão apresentadas e debatidas com representantes dos moradores de Caraíva, associações e cooperativas dos segmentos envolvidos.


Com informações e foto da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Porto Seguro

MATÉRIAS RELACIONADAS

Ponto turístico em Caraíva recebe revitalização em mosaico

Kitesurf deixa as águas e o céu de Caraíva mais coloridos

Caraíva terá sinal de três operadoras de celular

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar